Logo

Celebração do Envio

Classifique este item
(1 Vote)

Teve lugar, pelas 18 horas do dia 15 de outubro, na Igreja Paroquial d e Santo André do Barreiro, a Celebração do Envio dos professores de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) da Diocese de Setúbal. Esta celebração foi presidida pelo nosso Bispo, D. José Ornelas, ao qual os professores de EMRC renovaram o seu compromisso, em comunhão com a Igreja, em nome da qual o professor de EMRC é enviado para a escola.

 

Após a celebração da eucaristia, decorreu uma visita guiada à Igreja de Santo André. Esta visita teve como guia o Padre Armando Azevedo, pároco desta comunidade, a quem estamos gratos pelo acolhimento e pela partilha.

Antes da Celebração do Envio, pelas 16 horas, na Escola EB2/3 da Quinta da Lomba, teve lugar a comunicação do D. José Ornelas aos professores de EMRC, a qual foi precedida da intervenção do grupo coralAnimae Vox. Este grupo, formado em 2001, é constituído por quatro elementos e interpreta música medieval e renascentista, bem como alguns originais seus. Ficámos sensibilizados e enriquecidos pela sua atuação, face à qualidade da interpretação de algumas músicas, agradecendo a sua presença entre nós.

A comunicação do D. José centrou-se na importância do professor de EMRC na escola. Em jeito de introdução, referiu-se às mudanças rápidas e radicais do mundo de hoje, nomeadamente às novas tecnologias que estão a mudar os nossos comportamentos e face às quais devemos pensar o mundo de amanhã com responsabilidade. Referindo-se ao professor de EMRC, sublinhou que deve ter uma visão crítica e empenhar-se no mundo, nomeadamente na escola onde cada um está e na qual é de grande importância a presença fecunda e motivadora do professor desta disciplina: vivemos num tempo em que estamos criando futuro.

Destacou ainda que o professor de EMRC está na escola em nome da Igreja, inserido na comunidade cristã, em comunhão com a dimensão missionária e evangelizadora da Igreja. Referiu-se às exigências decorrentes da missão do professor de EMRC, a quem se pede que saiba reinventar Deus, presença terna e misericordiosa, em cada situação.

Por fim, face aos jovens que buscam referências e o sentido para a vida, o nosso Bispo salientou que o professor de EMRC, para além da organização e formação atualizada, deve ter o sentido da humildade, ocupar o seu lugar com coerência, ter capacidade de escutar e buscar, bem como compreender, amar, dialogar, tratando- se de uma missão exigente: ser a presença de Deus na escola.

Jo Joaquim Santos

Ler 963 vezes
Login para post comentários

Últimos Artigos

Localização

 

Contatos

SDEIE Setúbal Secretariado Diocesano

do Ensino da Igreja nas Escolas

Rua Fran Pacheco, 109 2900 - 376 Setúbal

Tel. 265 539 945

Fax: 265 539 943

Telemóvel : 96 132 16 64

Emails: sdeie.setubal@gmail.com

             sdeie@diocese-setubal.pt

NIF: 501 839 194
NIB: 0007 0227 0019 4630 0180 7

Subscreva a newsletter